Buscar

Síndrome de Burnout

O termo Burnout é definido, segundo um jargão inglês, como aquilo que deixou de funcionar por absoluta falta de energia. A síndrome de Burnout vai além de um dia estressante de trabalho, é o acumulo de muitos dias estressantes de trabalho, por isso pode demorar anos para a pessoa desenvolver a doença.


É construída por três pilares: exaustão emocional (caracterizada pela falta de energia e entusiasmo, sentimento de esgotamento mental causado pelo trabalho), despersonalização (quando o profissional passa a tratar clientes, e colegas de trabalho de forma distante e impessoal), e por último a baixa realização no trabalho (caracterizada pela tendência do trabalhador em se auto avaliar de forma negativa).



Quer agendar uma consulta com a Psicóloga Gabriely? CLIQUE AQUI


O que causa Burnout?


A Burnout é causada pela sobrecarga de demandas de serviços, a não identificação com a cultura organizacional da empresa, falta de participação nas decisões sobre mudanças organizacionais, expectativas profissionais, sentimento de injustiça nas relações laborais (atividades de trabalhos divididos de forma diferentes, salários desiguais no mesmo cargo). Precário suporte dentro do ambiente de trabalho, e relacionamento conflituoso entre colegas.



COMO SUPERAR?

Em todos os casos a psicoterapia é necessária para o diagnóstico e tratamento da síndrome. É importante mudar hábitos e incluir mais momentos de felicidade na rotina. Encontre um equilíbrio entre sua produtividade e seu autocuidado.


Hobbies são essenciais para você lembrar do que gosta de fazer e o que te dá prazer.

Meditação, A meditação pode ser definida como uma prática na qual o indivíduo utiliza técnicas para focar sua mente num objeto, pensamento ou atividade em particular, visando alcançar um estado de clareza mental e emociona.


Limites claros, estabeleça um limite no seu trabalho, como um horário para se conectar de desconectar, dê pausas para refeições. Deixe os problemas do trabalho, no trabalho.


Se orgulhe de suas próprias conquistas (pequenas ações tem um efeito importante para sua autoestima e autocuidado).


Autorregulação emocional, é a capacidade de monitorar e controlar nossos próprios comportamentos, emoções ou pensamentos. Sentir emoções é parte normal da vida, mas não podemos permitir que nos controlem.


Lembre-se: existe uma vida fora do trabalho, e essa vida também importa.


Quer agendar uma consulta com a Psicóloga Gabriely? CLIQUE AQUI

6 visualizações

Politicas OMSA

Suporte

Cadastro OMSA

ATENÇÃO
Este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida. Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br . Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.

Organização Multidisciplinar de Saúde Aplicada

29.900.423/0001-40

Jaguariúna - SP